4 de ago de 2013

Nando Reis + Humberto Gessinger na Atlanta


Dois dos maiores compositores e vocalistas do Rock nacional reunidos numa mesma ocasião. Dia de aproveitar pra matar as saudades de grandes clássicos de nossa música. O show ocorreu na Atlanta Music Hall, conceituada casa de shows da capital goiana, mas que hoje precisa urgentemente de passar por uma reforma em sua estrutura física. Não digo em relação ao palco e acomodações internas. Mas sim a falta de um fácil acesso, melhores opções de estacionamento e um maior cuidado com a lotação. 

O acesso ao local é complicado, não há sinalização adequada, para quem vem pela BR-153 sentido São Paulo, tem que pegar um retorno para conseguir acessar a Atlanta, mas este retorno não tem acesso à área de estacionamento da casa de shows, o que resultou em longas filas de carros (em plena BR, em meio aos carros passando em alta velocidade ao lado) e carros tendo que fazer todo tipo de conversões proibidas e artimanhas para conseguir acessar o clube. Um verdadeiro caos. 


O outro problema foi com a lotação. Espertamente, os donos da Atlanta conseguiram ampliar a capacidade máxima do local para vender mais ingressos. Como? Criando uma área externa em que você não tem contato com o palco, mas assiste os shows por um telão (!). Agora, eu te pergunto, quem vai pagar uma média de 50 a 100 reais de ingresso pra ver um show e ficar assistindo por um telão? Ainda por cima esta área externa conta com banheiros químicos (numa casa de shows). Enfim, algumas aulas de boa administração ia bem aos donos. Mas vamos aos shows. 




Humberto Gessinger é um cara foda. Talvez um dos mais fodas do rock nacional. Poucas vezes vi um público tão apaixonado por uma banda/artista. É verdade que o repertório, composto inteiramente por clássicos do Engenheiros do Hawaii ajudou bastante neste caso. Público ensandecido a cada música tocada. Tanto que tivemos que sair na metade do show e ir para a área externa, pois era praticamente impossível ficar na área VIP (área mais barata do show, que tem ainda a Extra Vip, as mesas e os camarotes). Vimos o resto do show pelo telão, mas valeu a pena. 




Após esta apoteose, veio a tranquilidade de Nando Reis. Tocando suas baladinhas de sempre, o cara fez a festa dos casais apaixonados do local. Muita gente havia ido embora, e o local estava bem mais agradável. É impressionante como o cara simplesmente não precisa das músicas do Titãs para mandar bem, como é o caso de vários outros artistas. Com uma carreira sólida das mais bem sucedidas do país, ele mandou composições suas que ficaram famosas nas vozes de vários artistas, como Cássia Eller, Cidade Negra, Jota Quest, e claro, algumas do Titãs. Encerramento digno para uma noite que começou estranha com tantos problemas. 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...