29 de jun de 2013

André Matos + CJ Ramone no Tattoo Rock Fest


Ontem teve início mais uma edição do Tattoo Rock Fest, festival que reúne música boa e bons tatuadores em Goiânia, e já ficou tradicional no nosso calendário. Este ano o local escolhido foi o ginásio Goiânia Arena, e foi uma boa escolha. A estrutura está bem montada e a acústica do local é boa para este tipo de evento. Entre os destaques da primeira noite, o Death/Thrash das bandas Deceivers e Kamura, ambas de Goiânia estremeceu as paredes do ginásio. Como era o primeiro dia, e uma sexta-feira, o local não chegou a lotar completamente. Mesmo assim podemos dizer que muita gente foi conferir os shows da noite.


CJ Ramone era uma das atrações principais da noite e não decepcionou. Com a pegada simples e direta que consagrou a banda e a transformou em um dos maiores ícones do Punk Rock e Rock em geral do século XX, foi fácil conquistar a todos. Entre algumas músicas novas da carreira solo do baixista, grande parte do repertório foi de canções dos Ramones. Psycho Terapy, Rockaway Beach, Blizkrieg Pop, Pinhead (também conhecida como Gabba Gabba Hey) e muitas outras.




Logo após foi a vez de André Matos dar seu show. Depois da confusão de 2008 em que um show dele foi cancelado por problemas com os organizadores, ele finalmente veio a Goiânia e quis recompensar o público goiano pelo tempo perdido. Pra isso fez dois shows diferentes. Na primeira parte, tocou mais músicas de seus dois últimos álbuns solos, e ainda Living for the Night, do Viper, Fairy Tale, do Shaman, e Lisbon do Angra. Na segunda parte do show, apenas os clássicos do Angra. Angels Cry, Carry On, Stand Away, Time. Foi praticamente uma volta ao passado. Ver o vocalista original das melhores bandas de metal melódico do Brasil interpretando clássicos dos anos 80 e 90 foi uma alegria pra qualquer metaleiro que cresceu nesta época no Brasil. Uma noite para não nos esquecermos tão cedo. 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...