14 de jun de 2011

Irracionalismo Religioso

É nos momentos de maior tensão e crise social que o irracionalismo religioso surge em meio a nós. Foi assim na época de Cristo, quando os Hebreus crucificaram aquele que ousava contestar a religião farisaica dominante; foi assim durante a Idade Média, quando a Igreja Católica Romana perseguia todos aqueles que se opunham às suas idéias, queimando e enforcando-os com gosto; foi assim na Alemanha nazista, que apesar de não ter assumido um cunho notadamente religioso, apresentou traços de um fanatismo do mesmo nível, que não poupou judeus e outros grupos étnico-religiosos; e é assim hoje em dia em países do Oriente Médio, mergulhados em um confronto político-econômico com um fundo étnico-religioso.


Mas não é só por lá que o circo pega fogo entre praticantes de diferentes religiões. Em nosso país também uma guerra silenciosa é travada, bem debaixo do nariz de nossa sociedade. E a linha de frente do exército responsável por esta guerra são os pastores e fiéis das chamadas Igrejas Pentecostais e Neo-pentecostais. O momento de instabilidade provocado pelo que alguns autores chamam de pós-modernidade em que estamos mergulhados, fez com que o irracionalismo de cunho religioso ressurgisse a toda prova entre nós. Basta olharmos para a postura dos membros de algumas destas igrejas, que alicerçados em um texto que dizem ser sagrado, não poupam esforços em julgar, condenar e perseguir aqueles que, segundo eles, são contra a vontade de seu deus.


O maior perigo disto tudo está na interpretação que fazem deste texto sagrado, especialmente do Antigo Testamento. Sua interpretação ao pé da letra de um livro escrito há mais de 2000 anos por líderes e chefes religiosos que pretendiam manter sua sociedade sob controle e para isto forjaram um deus vingativo e perseguidor, que não mede esforços em matar pessoas e destruir cidades, além de incentivar práticas bizarras, como o apedrejamento de pessoas, por exemplo, é um perigo social. Isto mostra porque considero a Bíblia como sendo um dos livros mais perigosos da história, por ser capaz de inspirar o fanatismo a tal ponto de vermos pessoas até mesmo sendo espancadas por obreiros de determinadas igrejas, como podemos perceber em notíciários.


Isto sem contar a perseguição que é realizada todos os dias a membros de outras denominações religiosas, especialmente as afro-brasileiras, como a Umbanda e o Candomblé, e a extorsão que é realizada pelos pastores, que não se cansam de pedir cada vez mais e mais dinheiro às pessoas, sempre em nome de Jesus, exatamente como faziam os fariseus na época de Cristo, que corrompidos pelo poder, acabaram se esquecendo do verdadeiro sentido religioso e se tornando cobras cada vez mais ambiciosas e traiçoeiras. E a força e poder destas seitas satânicas, que não se cansam de inspirar o medo e o temor em seus fiéis, assim ganham mais dinheiro, cresce a cada dia, e extrapola os limites religiosos, invadindo a arena política e controlando importantes veículos midiáticos e de imprensa, tornando-os cada vez mais perigosos.



Um exemplo deste tipo de irracionalismo é encontrado no filme O Nevoeiro, de Frank Darabont, inspirado em um conto do autor de filmes de terror Stephen King, que mostra uma pequena cidadezinha onde um estranho nevoeiro chega de repente, e com ele estranhas criaturas que começam a matar a todos. Presos em uma lanchonete, um grupo de pessoas tenta sobreviver, mas descobrem que talvez os piores montros não estejam lá fora, mas entre eles mesmos. Isto porque uma senhora começa a pregar o fim do mundo, e acaba convencendo a maioria de que aquilo tudo era um castigo de deus, e que deviam fazer sacrifícios para acalmar a ira divina. A situação é revoltante e mostra bem a que ponto pode chegar este irracionalismo religioso que a cada dia que passa contamina mais e mais nossa sociedade. Não me admiraria se daqui a alguns anos passássemos a viver uma verdadeira ditadura pentescostal, mergulhando novamente nosso mundo em uma era de trevas, marcado pelas perseguições a aqueles que discordem de suas idéias. Mas enquanto este dia não chega, não devemos poupar esforços para combater este vírus que corrompe nossa sociedade por dentro.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...